Externato Marista de Lisboa

"Formar bons cristãos e virtuosos cidadãos"



A NOSSA VISÃO

- Ser uma Escola de referência no nosso meio, pelo seu caráter evangelizador ao estilo de Marcelino. Pela educação integral que oferece, pela sua aposta na qualidade, pela sua decidida opção quanto à integração e à solidariedade, pelo seu empenho na atualização e inovação pedagógica, pela sua inserção significativa no meio ambiente, bem como pela promoção que faz da cultura do desporto, do tempo livre e do voluntariado, potenciando, em tudo isso, as relações de proximidade e um clima de convivência adequado ao desenvolvimento das capacidades de todos os membros da comunidade educativa.

- Ser uma instituição dotada das estruturas organizativas adequadas: conseguir uma equipa dinâmica, coesa e ágil, que planifique, desenvolva, acompanhe e supervisione o marco estratégico e a consecução dos objetivos definidos pela Província Marista de Compostela para as obras educativas na sua tarefa evangelizadora. E ao mesmo tempo, ser uma instituição com uma coordenação vertical e horizontal que possibilite a reflexão e a ação convergente de todos seus organismos.

- Ser uma instituição que valoriza e anima os seus educadores que fomenta o trabalho de equipa,dotando-os de dinamismos inovadores, recursos e apoios institucionais, de tal maneira que desenvolvam com entusiasmo uma educação de estilo marista.

- Ser uma instituição que impulsiona a vitalidade e a viabilidade das Obras Educativas estabelecendo estruturas de apoio, participação e sustentabilidade económica das diversas obras, facilitando processos de harmonização, e favorecendo a corresponsabilidade dos educadores e das famílias no futuro dos centros educativos.

- Ser um centro educativo que favoreça a integração, a participação e o crescimento pessoal de todos os membros da Comunidade Educativa (educadores, alunos, pais e encarregados de educação).

- Ser um centro educativo com uma equipa pastoral consolidada que tenha uma visão holística da realidade colegial, de onde derivem ações explicitamente evangelizadoras, e permitam o encontro de todos os agentes que intervierem no processo educativo.

- Ser centros educativos que favoreçam o desenvolvimento pessoal e profissional de educadores vocacionados, satisfeitos com o seu trabalho, e com una cultura de avaliação, formação e inovação permanentes.

- Ser um centro educativo que aposte numa cada vez maior envolvimento das famílias no processo educativo dos seus filhos e na vida colegial.

- Ser um centro educativo que dê resposta às novas situações derivadas da realidade social em constante mudança em que nos encontramos (novas situações familiares, imigração, etc. …), sendo protagonistas na hora de abordar as novas ofertas educativas a nível social, institucional ou eclesial